Dia de Tormenta 2012

A Jambô Editora está organizando o Dia de Tormenta, evento temático do cenário de RPG, nos dias 23 e 31 de março em várias cidades. 
Vários blogs e sites já estão noticiando as inscrições. Quem participar poderá jogar a aventura “Dia de Tormenta”, escrita por Marcelo Cassaro, e comprar o Guida da Trilogia (adaptação dos romances de Leonel Caldela, pelo próprio autor) com desconto ou até levar grátis. 
A entrada é franca, e a Jambô já divulgou a lista dos locais do evento. Lojistas ou narradores que se inscreveram poderão ganhar brindes e descontos exclusivos e devem postar fotos do evento com o pessoal jogando. 
Aqui em João Pessoa será dia 31/03, na Escola Municipal Aruanda (nos Bancários), das 13 às 19h, organizado pelo sempre ativo pessoal do Arena RPG. Não sei se vou porque dia 31 é meu aniversário, mas tá avisado!
Veja a sinopse da aventura (bem legal) do Cassaro:

Tormenta Para Todos

Tormenta avança. Chegou em maio de 1999, na forma de um cenário multi-sistema para AD&D, GURPS e 3D&T. Cresceu. Graças à Licença Open Game, ganhou acessórios compatíveis com Dungeons & Dragons. Cresceu mais. Transcendeu D&D. Hoje, tem seu próprio livro básico e seu próprio conjunto de regras. 
Em Arton, a Tormenta avança de igual forma. Antes distante, misteriosa, confinada em áreas remotas. Mais tarde, atacando o mundo civilizado. Devorando o forte Amarid nos limites de Trebuck. Derrotando as mais poderosas tropas. Atacando o coração do Reinado, em Zakharov. Até mesmo ameaçando infiltrar-se no Panteão. 
Mas a Tormenta pode ser detida. Após uma espetacular série de aventuras e batalhas, a ilha de Tamu-ra — primeiro alvo dos invasores em Arton — foi liberta da praga aberrante. Uma nova extirpe de aventureiros, os Desafiadores da Tormenta, ousa explorar as terras lefeu em busca de respostas. Com conhecimento sobre o inimigo, aumentam nossas chances de sobreviver. 
Infelizmente, o inverso também é verdadeiro. Enquanto heróis aventuram-se nas perigosas áreas de Tormenta, a corrupção lefeu também brota perto de nós. Mesmo longe das terras conspurcadas, o poder aberrante surge em numerosas manifestações menores. 
Pensava-se que apenas heróis épicos podiam desafiar a Tormenta. Pensava-se que esta missão extrema pertencia apenas aos aventureiros mais poderosos. 
Pensava-se errado. 
A Tormenta está em toda parte. Surge em muitas formas. Contamina os pontos mais inesperados, as coisas mais imprevisíveis, até mesmo as pessoas mais confiáveis. Qualquer um, em qualquer lugar, pode ser corrompido. E mesmo a menor mancha sangrenta pode ser o início do fim. 
A Tormenta não desafia apenas meia dúzia de poderosos. Ela desafia a todos. Mesmo o mais humilde e inexperiente aventureiro tem seu papel na guerra. 
Pois um sábio disse, e há verdade nisso… 
“Mesmo a menor das criaturas pode mudar o rumo do mundo”. 
Introdução
Dia de Tormenta é uma aventura para 4 a 6 personagens de 6º nível. Ela coloca os heróis contra o adversário final, contra a maior ameaça conhecida — mas ainda no início de sua manifestação. Mesmo assim, o perigo é imenso. Não há tempo para buscar ajuda. Se não for detida agora, a infestação lefeu crescerá descontrolada. 
Além disso, durante a aventura, cabe aos jogadores a difícil decisão de salvar — ou matar — um importante razoavelmente personagem do cenário. 
Dia de Tormenta foi preparada para uma única sessão. Há trechos opcionais, bem como um quadro com ideias e sugestões, para encurtar ou alongar a história se você quiser. Sua parte principal, no entanto, pode ser concluída em apenas algumas horas. 
Seis heróis prontos são oferecidos nas páginas finais. É uma medida para encurtar ainda mais o tempo de jogo — jogadores que não tenham construído seus personagens podem usar estes. Existe também outra razão: as chances de sobrevivência a esta aventura são pequenas. Pequenas mesmo! É aconselhado aos jogadores não usar personagens que considerem muito queridos…
Legal, né? Na minha campanha mais longa no mundo de Arton, narrei algo parecido, com uma cidade sendo afetada por uma área de Tormenta acabando de se formar, e lá foi a galera morrer para evitar isso. Agora que estou planejando um reboot dessa campanha, vou esperar que o pessoal disponibilize e narrar ela quando chegar no nível certo!

Dê um pitaco, não custa nada

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s