Batendo a poeira do blog

Desde novembro o bar está às moscas, pela crônica e interminável falta de tempo. Comecei 2015 com muito trampo para custear a filhota, tentando conciliar agência, freelas (atrasados; o fim de ano ferrou meus prazos, preciso correr pra entregar tudo) e tocar a editora.

Fora o nascimento da minha filha, 2014 foi um ano muito difícil, cheio de problemas pessoais e profissionais. Joguei e me diverti muito menos do que gostaria, mas no fim acabou que deu tudo certo e estamos bem mais otimistas pra esse ano.

Continuar lendo “Batendo a poeira do blog”

A volta dos jogos e o que mudou

Na época do nascimento da minha menina, as coisas estavam meio nebulosas por conta das mudanças de prioridades, falta de tempo, etc. Mas, após alguns ajustes (tempo livre ainda é item mágico raro pra mim), estamos conseguindo retornar com nossos hobbies. E voltamos a jogar RPG!

A animação da patroa voltou e, como não tínhamos como receber jogadores em casa ainda, passamos esses meses rolando nossa campanha solo sensacional, onde Elisa interpreta uma elfa mercenária sem frescura em uma metrópole medieval meio noir.

E aí, nesse sábado fizemos o primeiro teste de um dia de sessão clássico. Infelizmente Elisa estava doente (enxaquecas) e a pequena não dormiu bem à tarde (a gente acha que o bebê sente os humores da mãe), mas no geral deu tudo certo.

Continuar lendo “A volta dos jogos e o que mudou”

Fechando as portas

Pois é, amigos. Como vocês devem ter notado, ultimamente as mesas estavam juntando poeira, as máquinas de chope tinham entupido e o forno estava cheio de gordura velha. Fico triste em anunciar, e posterguei bastante (principalmente evitando o primeiro de abril) para dizer que o Birosca está, ao menos por enquanto, fechando as portas.

Não, não é um post do tipo “me amem, peçam para continuar”. Quem me conhece sabe que minha filha Helena acabou de nascer, prematura, demandando bastante atenção. Minha vida está em uma mudança brusca, a vida real bate à porta e algumas coisas que precisam de tempo e dedicação acabam sendo cortadas, porque o tempo livre está ficando cada vez mais escasso. Até porque eu não estou mestrando e devo demorar a voltar, também perdi a vontade de escrever em um blog neste momento.

Vou deixar o blog no ar para consultas, no entanto. E provavelmente ainda vou escrever no blog da Redbox, sobre nossos projetos e tudo mais.

Então, desejo tudo de bom pra vocês que me acompanharam nesses quase três anos de Birosca Nerd. Talvez eu volte se um dia a chama reaparecer, ou até mesmo se tiver alguma campanha para fazer reporte ou algo assim.

Até mais!

Feliz ano novo!

Olá, amigos! Escrevendo rapidinho aqui, em plena virada de ano, para desejar aos poucos leitores um ano novo sensacional, e um 2014 cheio de acertos críticos.

2013 foi um ano com muitos altos e baixos para mim. Quase parei de jogar RPG por estresses inerentes ao grupo e ao jogo, larguei e voltei a trabalhar em um hack do meu sistema favorito, mudei de ramo e ainda estou aprendendo a trabalhar no novo mercado (futuramente falarei desses novos projetos no Facebook), descobri que vou ser pai (e Heitor será um grande homem!), passei pelos velhos perrengues de saúde – tanto eu quanto a patroa -, fiz com meus sócios a Redbox crescer mais e dar boas notícias, adotei um novo gato (Cenoura, em homenagem às suas manchas laranja e um personagem de Elisa), vi filmes excelentes (O Hobbit, por exemplo; depois falo dele aqui no blog) e outros horrendos, fui convidado do maior evento de RPG do Nordeste (o FORPG; também postarei sobre ele esta semana), entre muitos outros acontecimentos doidos.

Agradeço a todos os amigos, colegas e clientes por me aturar e acreditar no meu trabalho (e na minha capacidade como mestre de RPG). Estou postando muito menos do que gostaria aqui no Birosca, por conta da falta de tempo e um pequeno desestímulo que venho passando com RPG (por motivos diversos, incluindo falta de tempo também), mas espero aparecer mais aqui.

É isso aí, feliz ano novo!

Esclarecimentos, anúncios e tudo mais sobre o Birosca

No último mês este bar esteve meio largado às moscas, eu sei. Antes de mais nada, agradeço demais a vocês que continuaram passando e tomando uma cerva ocasional, de modo que o blog se manteve razoavelmente estável nesse tempo sem posts. Fiquei positivamente surpreso!

Basicamente estive fora neste tempo porque, maaais uma vez minha vida entrou numa máquina de lavar e ficou girando loucamente. Eu e Elisa descobrimos que daremos continuidade à nossa linhagem, eu larguei o emprego e entrei em um mercado diferente (apesar das cobranças, não vou falar ainda o que estou fazendo; precisamos de site e de um comunicado decente, fazer tudo certinho :D), meus velhos inimigos reumáticos voltaram a atacar (a tendinite) e muitos outros acontecimentos malucos.

Continuar lendo “Esclarecimentos, anúncios e tudo mais sobre o Birosca”

Tendinite e Dia de Ler Tolkien

E aí a tendinite, que vinha dando o ar da graça nesses últimos dias, tomou minha mão de assalto. Alguns dias de atestado, tratamento e fisioterapia (apesar de estar trabalhando, fazer o que, a vida não pode parar) vão rarear um pouco minhas postagens.
Mas hoje é o Tolkien Reading Day, um evento anual iniciado pela The Tolkien Society em 2003. É um dia para encorajar a leitura do grande mestre J. R. R. Tolkien, e o uso dos seus trabalhos na educação. A data foi escolhida em honra à queda de Sauron (The Lord of the Rings) – para quem não sabe, os meses na Terramédia são iguais aos nossos. 
Já sabemos que Tolkien teve um papel muito importante para a fantasia medieval, e se não fosse por ele eu não amaria tanto o gênero. Ontem jogamos (bom, mesmo com a mão ferrada eu ainda posso mestrar, né) uma de nossas campanhas mais queridas e fizemos as fichas para o reboot da nossa mais antiga, que tem muuuuita influência na obra dele. Como estou relendo O Hobbit e o velhinho anda em alta com os filmes de Bilbo, ele nunca será esquecido.
Se tiver paciência, leia a homenagem, história e curiosidade que postei sobre o mestre no seu aniversário de 121 anos.