Novidades de Dragon Age RPG para 2015

Como vocês sabem, sou fanzaço de Dragon Age (minhas campanhas inclusive rolam em Thedas), de modo que sempre faço questão de falar sobre novidades da Green Ronin sobre o RPG (mesmo usando o D&D 5E).

ca9c8-grr2808-mockup_1024x1024Hoje eles postaram sobre os planos da editora para DARPG em 2015. Já começaram com uma notícia bombástica (embora a gente já sabia), que é o Livro Básico (Core Rulebook) do DARPG, substituindo os conjuntos 1-3 em um livrão de 400 páginas.

Além de uma nova aventura (afinal, A Maldição dos Vales já foi jogada por todo mundo), eles vão trazer material novo (como monstros e especializações) e a cereja do bolo: o jogo assume que os jogadores já não lutam contra o Quinto Flagelo (tradução oficial da Jambô), sendo esta uma das opções de campanhas. O cenário amadureceu bastante desde o lançamento do Dragon Age: Origins, de modo que eles deixaram de datar o jogo em um momento particular da linha do tempo (aleluia).

Continuar lendo “Novidades de Dragon Age RPG para 2015”

Batendo a poeira do blog

Desde novembro o bar está às moscas, pela crônica e interminável falta de tempo. Comecei 2015 com muito trampo para custear a filhota, tentando conciliar agência, freelas (atrasados; o fim de ano ferrou meus prazos, preciso correr pra entregar tudo) e tocar a editora.

Fora o nascimento da minha filha, 2014 foi um ano muito difícil, cheio de problemas pessoais e profissionais. Joguei e me diverti muito menos do que gostaria, mas no fim acabou que deu tudo certo e estamos bem mais otimistas pra esse ano.

Continuar lendo “Batendo a poeira do blog”

Um gerador de aventuras genial

Pessoal, olha que ninja. O Eduardo Soares traduziu na lista de discussão da Redbox uma ideia fantástica do usuário Baldr12 do Reddit. Ele pegou Magic: The Gathering e criou algoritmos para gerar aventuras!

Esses enredos usam diversos tipos de cartas de Magic que, não sei se vocês sabem, são recheadas de material “roubável” (já usei muito :P).

Todo mundo se animou para espalhar a palavra (que não é Bird :P). Eis que outros usuários mexeram os pauzinhos e criaram um site recheado de aventuras instantâneas!

Continuar lendo “Um gerador de aventuras genial”

Guardiões da Galáxia

Já faz mais de uma semana que Starlord e sua turma de desajustados levaram todo mundo à loucura. Foi uma semana bem corrida pra mim, mas é quase uma obrigação falar sobre este filme.

A trama: Peter Quill (Chris Pratt), saqueador espacial, rouba uma estranha orbe em um planeta esquecido e acaba descobrindo que todo mundo a quer, incluindo o terrível vilão Ronan O Acusador (Lee Pace). Após um monte de eventos malucos, forma-se um grupo disfuncional de foras-da-lei para agir como heróis e salvar o universo desse terrorista superpoderoso.

É um verdadeiro feito da Marvel Studios pegar um grupo de heróis pouco conhecido da famigerada parte cósmica de seu universo e transformar num filme sensacional. Eu mesmo nem os conhecia, e quando começaram as notícias torci o nariz e nem dei bola.

Continuar lendo “Guardiões da Galáxia”

A volta dos jogos e o que mudou

Na época do nascimento da minha menina, as coisas estavam meio nebulosas por conta das mudanças de prioridades, falta de tempo, etc. Mas, após alguns ajustes (tempo livre ainda é item mágico raro pra mim), estamos conseguindo retornar com nossos hobbies. E voltamos a jogar RPG!

A animação da patroa voltou e, como não tínhamos como receber jogadores em casa ainda, passamos esses meses rolando nossa campanha solo sensacional, onde Elisa interpreta uma elfa mercenária sem frescura em uma metrópole medieval meio noir.

E aí, nesse sábado fizemos o primeiro teste de um dia de sessão clássico. Infelizmente Elisa estava doente (enxaquecas) e a pequena não dormiu bem à tarde (a gente acha que o bebê sente os humores da mãe), mas no geral deu tudo certo.

Continuar lendo “A volta dos jogos e o que mudou”

Fechando as portas

Pois é, amigos. Como vocês devem ter notado, ultimamente as mesas estavam juntando poeira, as máquinas de chope tinham entupido e o forno estava cheio de gordura velha. Fico triste em anunciar, e posterguei bastante (principalmente evitando o primeiro de abril) para dizer que o Birosca está, ao menos por enquanto, fechando as portas.

Não, não é um post do tipo “me amem, peçam para continuar”. Quem me conhece sabe que minha filha Helena acabou de nascer, prematura, demandando bastante atenção. Minha vida está em uma mudança brusca, a vida real bate à porta e algumas coisas que precisam de tempo e dedicação acabam sendo cortadas, porque o tempo livre está ficando cada vez mais escasso. Até porque eu não estou mestrando e devo demorar a voltar, também perdi a vontade de escrever em um blog neste momento.

Vou deixar o blog no ar para consultas, no entanto. E provavelmente ainda vou escrever no blog da Redbox, sobre nossos projetos e tudo mais.

Então, desejo tudo de bom pra vocês que me acompanharam nesses quase três anos de Birosca Nerd. Talvez eu volte se um dia a chama reaparecer, ou até mesmo se tiver alguma campanha para fazer reporte ou algo assim.

Até mais!